Como demitir alguém

Olá pessoal!

O penúltimo post foi sobre como pedir demissão, porque sabemos que nunca é uma tarefa fácil…

Mas não faz muito tempo eu me deparei com uma situação bastante chata, que foi a do meu superior pedir que eu demitisse o meu subordinado, pois ele havia tido uma postura incompatível com o nosso trabalho, que é baseado em confiança.

Eu nunca tinha passado pela experiência de demitir antes, e confesso que foi MUITO difícil, por mais que eu soubesse que ele estava errado. Não é fácil lidar com a responsabilidade de terminar com uma oportunidade ou até mesmo com o sonho de alguém, né?

Pensando nisso, e no nível de estresse que eu passei para conseguir demitir a pessoa que trabalhava diretamente comigo, eu decidi fazer esse post para vocês.

  • Esteja a sós:

Antes de mais nada, é imprescindível que você converse com a pessoa e comunique sua decisão a sós. Não faça isso na frente de todos os demais funcionários, pois será uma humilhação a qual a pessoa não deve ser sujeita, mesmo estando errada! Não use aquela desculpa de “servir de exemplo aos demais” pois isso nada mais é do que falta de respeito e insegurança da sua parte!

No máximo, leve uma testemunha para assegurar que ele não irá se revoltar com você e que a conversa seja mantida no nível profissional. Se for levar, escolha alguém da sua mesma hierarquia, e não um colega de trabalho do funcionário que você está demitindo, caso contrário voltaremos à situação humilhante.

  • Seja direto e honesto:

No meu caso eu estava sozinha, e a minha primeira preocupação foi em ser bem franca e direta com ele, expondo a razão dele ter sido demitido, e informando que esse tipo de atitude não era admissível no escritório.

Acho importante que a pessoa que está sendo demitida saiba a real razão disso, de maneira que possa ter consciência dos seus atos e não repita no futuro, pois saberá que estará colocando o emprego em risco.

  • Ouça o outro lado:

Depois, eu me preocupei em efetivamente ouvir a explicação da pessoa. Claro que diante dessa situação, nada que ele dissesse iria remediar e fazer com que meu superior mudasse de ideia, mas acho importante dar ao outro a oportunidade de tentar minimizar os efeitos da sua má atitude.

  • Dê feedback:

Por último, eu procurei dar um feedback geral a ele sobre a sua postura e o seu trabalho comigo até aquele momento. Comentei o que eu considerava pontos fortes, e o que eu julgava que ele deveria se esforçar para melhorar, para que viesse a ser um profissional melhor no futuro. E, claro, agradeci pelo trabalho realizado até ali!

Eu sabia que a atitude dele tinha sido a pior possível, mas eu sempre acho que as pessoas têm o direito de errar, e eu não estou na posição de julgar se ela vai reconhecer o erro e melhorar ou não, independentemente das circunstâncias que a tenham levado a isso…

Eu penso que o meu papel como superior é alertar e orientar, para que eu consiga efetivamente colaborar com o crescimento das pessoas que estiverem subordinadas a mim!

Acho que demitir alguém sempre vai ser um momento super delicado e que a forma como lidar com ele vai depender muito da situação específica, mas o essencial é manter o respeito.

Na minha opinião, as críticas devem sempre ser construtivas, mesmo que o erro seja grotesco.

Beijos!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s