Lip Balms

Olá pessoal!

Estive muuuito tempo sem escrever porque minha vida mudou muito, e tenho estado absolutamente sem tempo, mas as coisas tendem a melhorar… Sempre prometo e nunca cumpro, mas a esperança ainda é a última que morre… #caradepau

Bom, para comemorar esse retorno, vim falar sobre um item indispensável para quem trabalha no ar condicionado! Inspirado no post do hidratante de mãos, hoje é a vez do hidratante labial (lip balm).

Eu sou V-I-C-I-A-D-A em lip balm, não vivo sem e tenho pelo menos 2 na bolsa, 1 na gaveta do trabalho, 1 na mesinha de cabeceira e por aí vai… hahaha

Para começar, vou falar do que está na minha gaveta no trabalho, o “Cereza”, do Agatha Ruiz de la Prada, que vende na Sephora:

Agatha Ruiz de La Prada

Ele tem um cheiro delicioso, e hidrata bem, mas eu confesso que esse tipo não é mais o meu preferido, pois temos que usar com o dedo…

Além desse, gosto muito dos da Nivea, em especial os de cuidados mesmo, como o Hidro Care e o Essential Care:

nivea-lip-care

Por último, comprei para testar e amei o Baby Lips, da Maybelline, estou usando o amarelinho, que é de cuidados também (bem se vê que sou um pouco obcecada com cuidados para os lábios), mas estou ansiosa para testar o lilás:

baby lips maybelline

Gostei tanto da hidratação desse que substituí o Bepantol à noite (que eu usava só pelas dicas dos outros, porque acho bastante nojento e não sou 100% fã do efeito que fica na boca no dia seguinte).

Por último, ainda não testei, mas estou doida para experimentar o Sugar, da Fresh, confesso que só porque achei a embalagem linda e chique! hahahaha

Fresh-Sugar-lip-balm

Já testei outros, mas não gostei muito, então preferi fazer a seleção com os que eu mais gosto, e incluir esse que estou doida para testar!

Espero que gostem e vou tentar manter a frequência dos posts!

Beijos!

Saia plissada

Olá pessoal!

Estou tentando não demorar com os posts, mas esse fim de ano está complicado…

Para quem não sabe, o Judiciário entra em recesso no dia 20/12, então é muito comum os advogados (como eu! hahaha) ficarem malucos nas últimas semanas antes do bendito…

Vamos ao que interessa! 😛

O look de hoje eu usei na sexta, é uma saia plissada muito linda, super antiga que eu comprei logo que comecei a trabalhar.

Por isso eu acho que vale a pena investir em peças boas, porque elas duram muuuito! hahahaha

Como eu achei que a saia já tinha muita informação (era plissada e estampada cinza), preferi combinar com o resto das peças pretas: camisa de laço preta, bolsa preta e sapato preto.

look saia rodada

O que vocês acharam? Vou tentar detalhar melhor os próximos looks, ainda não me acostumei a preparar as coisas para poder fotografar… hehehee

Beijos!

Cabelo preso ou solto?

Olá pessoal!

Assim que eu comecei a trabalhar em escritório tinha uma certa dúvida com relação ao cabelo, se eu deveria mantê-lo preso ou solto.

Todo mundo sabe que cabelo solto, além de ser paixão oficial das brasileiras, tem um certo ar de sensualidade e feminilidade…

Na primeira entrevista de emprego que eu fui, tinha acabado de fazer escova progressiva no cabelo, e eu tinha franja, entao a bendita não parava de cair no meu rosto enquanto eu falava… Acabou que eu fui contratada e uma das coisas que a minha chefe disse foi que a minha franja fez com que ela tivesse uma impressão super errada de mim, justamente porque achou que eu seria preocupada demais com a aparência e talvez um pouco fútil! Tudo isso porque a franja caía no meu rosto e eu ficava mexendo nela o tempo todo!

Um tempo depois uma amiga entrou em uma empresa de auditoria grande (Big 4) e eles tiveram um curso de imagem, acredita? Achei o máximo! Tudo para passar o dress code da empresa. Nesse curso ela me disse que a consultora recomendou que as profissionais nunca deixassem o cabelo solto, pois ele preso passa uma imagem de profissionalismo e responsabilidade muito maior!

Diante dessas duas informações eu cheguei à conclusão de que o cabelo preso realmente leva vantagem sobre o cabelo solto no mundo formal que trabalhamos…

Mas existem certos comprimentos de cabelo que não funcionam presos, então quis mostrar algumas opções de cabelos presos e soltos que eu julguei apropriados para o ambiente de trabalho:

  • Solto – Normalmente o solto vem aliado a um cabelo curto, que fica bastante estranho se preso:

curto solto

  • Meio preso – Boa alternativa para as meninas que não gostam do seu cabelo preso, mas que querem estar com o ar mais sofisticado e profissional que eu falei. Algo como esse da Sarah Jessica Parker, mas sem tantos fios arrepiados :P:

meio preso

  • Rabo de cavalo – Penteado mais comum de cabelo preso em escritório:

rabo de cavalo

  • Trança embutida – Show de profissionalismo e cuidado!

trança embutida

  • Arco – Uma boa forma de manter as madeixas no lugar sem precisar prender completamente o cabelo:

arco

  • Coque – Esse penteado sempre foi e sempre será a opção mais formal de cabelo preso que existe, e, consequentemente, por ser tão clássico é muito elegante!

Coque

E aí, gostaram? Qual a sua preferência, preso ou solto?

Beijos!

Look do dia

Olá pessoal!

Como eu tinha falado que ia tentar manter essa tag por aqui, segue um look que eu usei na terça-feira para ir trabalhar:

IMG_3108

Eu tinha uma reunião no dia, mas estava muito calor, aí eu deixei o blazer em casa e fui só de camisa e calça social!

Confesso que essa é uma baita vantagem de ser mulher, viu? O homem não pode deixar de usar terno e gravata em reuniões, porque fica muito casual, mas a mulher, mesmo sem o blazer, continua adequada, não acham?

A camisa era da H&M, listrada, azul, com a gola e esse detalhe dos botões em branco, e a calça é uma antiga preta da Charming, acho que essa loja nem existe mais… Tinha roupas sociais ótimas a um preço super acessível. Se alguém souber se ela ainda existe, avisa! hahaha

A bolsa é Tommy Hilfiger, envernizada, muito linda!

E aí, estava boa essa roupa?

Beijos!

Calor x Frio

Olá!

O post de hoje é atendendo ao pedido de uma leitora (beijos, Gabi)!

Gente, como estou amaaaando essa participação! É muito recompensante, estimula a continuar, de verdade!! 🙂 Muuuito obrigada!!

Continuando… hehehe

Ela escreveu pedindo que eu falasse sobre como lidar quando está muito calor do lado de fora, mas o ar condicionado está muito gelado no escritório.

Olha, vou te contar que ainda não conheci uma pessoa que não reclamasse do ar muito gelado no trabalho… O que acontece, meu povo? hahahaha

Especialmente aqui no Rio, no auge do verão (que estamos começando agora), é muito comum termos de conviver com uma temperatura de 40º do lado de fora e 19º do lado de dentro do escritório, e aí, como estar vestida para essas situações?

Onde eu trabalho também existe esse problema, e eu percebi que as pessoas acabam caindo em duas alternativas para lidar com isso:

(i) Casaquinho de tricô / malha / cashmere (ou o bom e velho casaquinho da Zara):

Bom, essa solução é a que eu adoto no dia a dia. O que eu faço?

Levo na bolsa, ou deixo no escritório, um casaco da Zara desses básicos (praticamente tenho um de cada cor para combinar com tudo), estilo esse aqui:

casaco zara

(ii) Pashmina / lenço / cachecol:

A outra opção que muitas meninas adotam é deixar uma pashmina no trabalho para se enrolar quando começa a fazer muito frio! Acho lindo e muito elegante, apesar de considerar mais prática a opção do casaquinho…

pashminas - como usar

Essas são as principais alternativas que eu já vi para que possamos sair com dignidade no calor (com roupas normais de calor) e mesmo assim não morrer congelada ao chegar no escritório! 😛

Caso faça muito mais frio no seu trabalho, ou caso você sinta mais frio, vale combinar as duas alternativas, deixando a pashmina no trabalho e levando um casaquinho, ou deixando os dois no trabalho, etc.

Vocês têm alguma outra sugestão?

Beijos!

Hidratante para mãos

Olá pessoal!

Tudo bem?

Eu decidi fazer esse post porque uma amiga comentou comigo que estava apaixonada pelo meu hidratante para mãos, e que valia um post aqui no blog! hahahah

Então eu percebi que todas as meninas aqui do escritório (e não são poucas, acreditem!) usam e guardam algum hidratante para mãos, porque passar o dia inteiro no ar condicionado, digitando, mexendo em papéis, etc, acaba ressecando mesmo.

O que eu deixo aqui é o Velvet Romance, da Loungerie, cheiro de Gardênia (do meio):

creme para maos velvet romance loungerie

Eu ganhei esse creme para mãos quando fui na Loungerie e fiquei enlouquecida com o cheiro! E como a embalagem dele é de pump eu não achei prático para levar na bolsa, né? hahaha

Aí acabou ficando perfeito para eu deixar no escritório… Fora que são 300 ml, ou seja, tem creme para uma eternidade, né?

Além desse, o preferido das meninas é o nosso bom e velho Nivea, de todos os cheiros e tipos existentes:

creme para mãos nivea 1

Para fechar a concorrência, os mais usados são o Vasenol e os da Natura:

creme para maos natura e vasenol

Fora esses, eu também acho os cremes da Granado e do Boticário ótimos!!

creme para mãos granado e boticario

E você, qual o seu favorito?

Beijos!

Batom Pro Longwear

Olá pessoal!

Há um tempo eu contei a minha saga dos corretivos (veja aqui) e cheguei à conclusão de que o melhor para mim era o Pro Longwear, da Mac, tanto pela duração como pela cobertura e pela cor na minha pele.

Pois bem. Eis que eu estava no Free Shop procurando repor o meu Hue que estava acabando, mas perguntei à vendedora se teria algum batom com maior duração, porque o Hue sai em 2 minutos na minha boca, então apesar de lindo, ele não é muito prático para o trabalho.

Ela perguntou se eu conhecia a linha Pro Longwear, e eu não conhecia os batons.

Então, após procurar várias cores que não eram nem um pouco próximas do Hue, apareceu a cor To The Future!:

mac_prolongwear_lipstick_tothefuture

Gente, foi amor à primeira vista! hahahaha

Experimentei e ela é muitoooooo próxima ao Hue na minha opinião, e a duração é bem maior!

Não posso dizer que dura um dia inteiro ou que resiste a um cafezinho aqui e ali, mas nem se compara com a duração do Hue.

Aqui no Temptalia tem um review dos batons Pro Longwear e tem ele na boca!

Ao passar esse batom, ele espalha maravilhosamente bem, depois ele dá uma ressecadinha, mas nada demais e fica com cobertura um pouquinho seca.

Outro item que vou levar para a vida! 😛

Beijos!

Lanche da tarde

Oi pessoal!

Voltei! hehehehe

Eu tirei férias e esqueci de avisar… oooops!

Hoje eu me dei conta que nunca falei sobre as opções de lanches que eu como aqui no escritório, né?

A fome que bate no meio da tarde/noite é sempre um drama! Ainda mais porque aqui nós só temos um frigobar e não uma geladeira, então é um pouco complicado se todo mundo decidir trazer frutas e iogurtes…

Eu mesma prefiro coisas que eu possa guardar na minha gaveta e não precise levantar pra ir comer.

Vou dar algumas dicas dos lanches que eu mais gosto:

  • Barrinhas

Não sou fã de barra de cereais, mas desde que fui apresentada a essa barrinha eu fiquei apaixonada! Mas só pode comer uma, porque apesar de ser uma gordura boa, não pode exagerar na gordura, né?

barrinhas

A minha preferida é a de Nozes e Canela, muitooo boa!

  • Biscoito salgado

Quando bate aquela vontade de comer alguma coisa salgada, eu apelo para dois biscoitos, basicamente:

nesfit centeio

club social integral

 

Os dois são muito bons, mas o Nesfit é mais levinho, parece ser menos gorduroso, sabe? Além de ser zero enjoativo!

  • Biscoito doce

Lógico que não poderia faltar um biscoitinho doce, né? Para não abusar, prefiro sempre os Nesfit também, que são muito bons.

O de Cacau é particularmente incrível! Gosto de chocolate e sensação de estar sendo light! 😛

nesfitdoces

 

  • Bolinho

Por fim, uma amiga me mostrou um lanchinho inacreditável:

bolinho

Esses bolinhos têm as mesmas calorias de uma barrinha de cereal, gente! Ok que eles certamente têm mais gordura e menos fibra, mas não é uma excelente opção para mudar um pouco?

Beijos!

Como demitir alguém

Olá pessoal!

O penúltimo post foi sobre como pedir demissão, porque sabemos que nunca é uma tarefa fácil…

Mas não faz muito tempo eu me deparei com uma situação bastante chata, que foi a do meu superior pedir que eu demitisse o meu subordinado, pois ele havia tido uma postura incompatível com o nosso trabalho, que é baseado em confiança.

Eu nunca tinha passado pela experiência de demitir antes, e confesso que foi MUITO difícil, por mais que eu soubesse que ele estava errado. Não é fácil lidar com a responsabilidade de terminar com uma oportunidade ou até mesmo com o sonho de alguém, né?

Pensando nisso, e no nível de estresse que eu passei para conseguir demitir a pessoa que trabalhava diretamente comigo, eu decidi fazer esse post para vocês.

  • Esteja a sós:

Antes de mais nada, é imprescindível que você converse com a pessoa e comunique sua decisão a sós. Não faça isso na frente de todos os demais funcionários, pois será uma humilhação a qual a pessoa não deve ser sujeita, mesmo estando errada! Não use aquela desculpa de “servir de exemplo aos demais” pois isso nada mais é do que falta de respeito e insegurança da sua parte!

No máximo, leve uma testemunha para assegurar que ele não irá se revoltar com você e que a conversa seja mantida no nível profissional. Se for levar, escolha alguém da sua mesma hierarquia, e não um colega de trabalho do funcionário que você está demitindo, caso contrário voltaremos à situação humilhante.

  • Seja direto e honesto:

No meu caso eu estava sozinha, e a minha primeira preocupação foi em ser bem franca e direta com ele, expondo a razão dele ter sido demitido, e informando que esse tipo de atitude não era admissível no escritório.

Acho importante que a pessoa que está sendo demitida saiba a real razão disso, de maneira que possa ter consciência dos seus atos e não repita no futuro, pois saberá que estará colocando o emprego em risco.

  • Ouça o outro lado:

Depois, eu me preocupei em efetivamente ouvir a explicação da pessoa. Claro que diante dessa situação, nada que ele dissesse iria remediar e fazer com que meu superior mudasse de ideia, mas acho importante dar ao outro a oportunidade de tentar minimizar os efeitos da sua má atitude.

  • Dê feedback:

Por último, eu procurei dar um feedback geral a ele sobre a sua postura e o seu trabalho comigo até aquele momento. Comentei o que eu considerava pontos fortes, e o que eu julgava que ele deveria se esforçar para melhorar, para que viesse a ser um profissional melhor no futuro. E, claro, agradeci pelo trabalho realizado até ali!

Eu sabia que a atitude dele tinha sido a pior possível, mas eu sempre acho que as pessoas têm o direito de errar, e eu não estou na posição de julgar se ela vai reconhecer o erro e melhorar ou não, independentemente das circunstâncias que a tenham levado a isso…

Eu penso que o meu papel como superior é alertar e orientar, para que eu consiga efetivamente colaborar com o crescimento das pessoas que estiverem subordinadas a mim!

Acho que demitir alguém sempre vai ser um momento super delicado e que a forma como lidar com ele vai depender muito da situação específica, mas o essencial é manter o respeito.

Na minha opinião, as críticas devem sempre ser construtivas, mesmo que o erro seja grotesco.

Beijos!!